Home

Henrique R. Schmitt
Universidade Federal do Rio grande do Sul (UFRGS)


Lab.  Nacional de Astrofísica

Observatório do Pico dos Dias

Telescópios

Instrumentos e Detetores

Distribuição de Tempo

Publicações com dados do OPD

Projeto Gemini

Projeto SOAR

Seminários

Visitas

Links

A população estelar de galáxias Seyfert.

Serão apresentados os resultados da investigação da natureza do contínuo de Seyferts 2, determinando-se, por meio de duas técnicas originais, a contribuição da população estelar e de um FC aos espectros destas galáxias. Estas técnicas são: medida da diluição das larguras equivalentes (W's) do núcleo em relação às W's de regiões externas, adjacentes ao núcleo; síntese espectral dos espectros nucleares destas galáxias, utilizando-se um código de síntese de população estelar, mas incluíndo-se uma componente extra, representando um FC. Os resultados destas análises mostraram que não é possível assumir uma template única para representar a população estelar destas galáxias, pois estas apresentam as mais variadas combinações de estrelas com diferentes idades e metalicidades. Foi possível determinar que a contribuição de um FC aos seus espectros raramente excede 10\%, o que está em desacordo com os resultados encontrados na literatura. Foi proposto que esta diferença é devida à uma representação inadequada da população estelar por outros autores. Estes resultados também foram utilizados para se propor uma nova solução para a origem do FC2.