Última atualização: 30/03/1996

FOTRAP - Manual de Uso


Home
Francisco Jablonski. Fev./1996 

Intrumentos e
Detetores

INTRODUÇÃO

CONFIGURAÇÃO / INSTALAÇÃO

OPERAÇÃO

FOTOMETRIA / MODOS DE OPERAÇÃO

OUTRAS

SEQUÊNCIA DE OPERAÇÕES PARA REALIZAR UMA MEDIDA (ZEISS)

DICAS / COMO CONTORNAR ALGUNS PROBLEMAS

APÊNDICES

 

IV -FOTOMETRIA / MODOS DE OPERAÇÃO

Os modos de operação disponíveis são:

Rápido Eletrônico (monitoria)

Rápido Mecânico (monitoria)

Magnitude e Cores (UBVRI)

Outros

Fim

IV.1 - Rápido Eletrônico

Este modo fornece uma série temporal de dados fotométricos igualmente espaçados, com a roda de filtros parada num filtro. O tempo de integração por medida dever ser    > 0,05 s. Os seguintes campos devem ser preenchidos:

Objeto : Filtro := C Diaf. = 18.8"
Telescópio : 60cm
 
a.r: 0: 0: 0 t.i. = 1.000 s Lado (E)
Observador : Chico
 
dec.:0: 0: 0   ceu (1)
   
Comentários : no comments

 

Os significados são mais ou menos evidentes:

* Objeto: nome do objeto. Se o nome for GRA ou LAN, o programa mostrará os as estrelas dos catálogos do Graham e Landolt. Se o nome contiver um ponto (por exemplo, chico.lst), o programa procurará o arquivo de dados com aquele nome. Nele, os objetos devem estar listados um por linha, na forma


 "V1223 Sgr"  18:51:49	-31:13:39  (1950.0)

Se a época for omitida o default é 1950.0. Atenção com o nome: entre aspas.

*   a.r. e dec. podem ser preenchidos numa variedade de formas:

     18:51:48 ou 18 51 49 ou 18 51.8 
     são todas formas válidas.

      Para a declinação, o sinal negativo é 
      usado só para o primeiro campo:

      -31:13:39 ou -00:14:15 são formas válidas.

A época pode ser introduzida depois de a.r. ou 
dec. e a precessão será calculada automaticamente:

	a.r.: 18:51:49

	dec.: -31:13:39 (50)

* Use F6 e as setas para escolher o filtro (Clear, U, B, V, R, I)
* Use F4 para escolher o diafragma. Note que ele ficará no diafragma escolhido nos próximos objetos, independente do modo que você escolher.
* Use F7 para informar ao programa de que lado do pilar (E ou W) o telescópio está. Esta informação é mais importante que você imagina. Sem ela, você não vai conseguir apontar os alvos para que caiam no campo do fotômetro.
* Nas monitorias em uma cor é possível fazer as medidas de fundo de céu teclando "c" (para ir para o céu, he, he) e teclando "v" para voltar. F5 permite escolher o lado para o qual você mede o céu.

Após o início da monitoria o programa utiliza as primeiras integrações para calcular os limites do gráfico. As teclas e expandem e comprimem a escala vertical de 20% cada vez. A tecla seleciona o símbolo no gráfico entre pontos ( . ) e cruz ( + ). O eixo horizontal é reescalonado automaticamente.

IV. 2 - Rápido Mecânico

Este modo fornece uma série temporal de dados fotométricos igualmente espaçados em 6 filtros (C, U, B, V, R, I). Note que o programa acelera a roda de filtros até a frequência de trabalho de 20 Hz (50 ms por volta). O cabeçalho é parecido com o do modo rápido eletrônico (IV.1), com as seguintes diferenças:

Objeto : V617 Sgr res.temp.= 10.00 s Diaf. = 16.1"
Telescópio:60cm
a.r : 18: 7: 7 t.i. = 1.240 s Céu   (1)
Observador:Chico
dec. : -35:10:40
Lado (E)

 

* res.temp. é a resolução temporal que indica de quanto em quanto tempo o programa recebe um conjunto completo de integrações nos 6 filtros.
* t.i. é o tempo de integração que representa o tempo efetivo acumulado em cada filtro para cada integração.
Esse valores são interrelacionados por t.i. = N * 0.0062 s, e res. temp. = N * 0.05 s
onde N é um número inteiro de voltas da roda de filtros.
A mínima resolução temporal possível é 0.2 segundos.

As operações após o início da monitoria são muito semelhantes ao descrito acima no rápido eletrônico. Por default, o programa mostra a curva de luz no filtro C (luz integral). As teclas numéricas 1-6 permitem selecionar, respectivamente, a curva de luz em cada um dos filtros C, U, B, V, R, I.

V.3 - Magnitude & Cores

Com este modo podemos determinar magnitude V e cores U-B, B-V, V-R, e R-I em tempo real, utilizando uma sequência de medidas simultâneas nos 6 filtros. O cabeçalho tem as seguintes diferenças com relação aos modos descritos em (IV.1 e IV.2):

Objeto : V617 Sgr erro = 0.5 %
Diaf. = 16.1" 
a.r : 18: 7: 7 ciclos = 50
Lado (E)
dec. : -35:10:40 t.i./filtro = 6.0 s

 

* erro: a tecla F4 e as setas permitem aumentar/diminuir o erro estatístico limite. Em funcionamento, o programa seguirá coletando dados em UBVRI até que o erro estatístico no pior dos casos (normalmente filtro U) atinja o limite.
* ciclos: a tecla F5 e as setas aumentam diminuem o número pacotes dados UBVRI (ciclos) correspondentes a uma medida. O valor default de 50 ciclos corresponde a 19.8 s efetivos de integração por filtro e representam cerca de 2.6 minutos de tempo corrido.

O programa encerra as integrações no objeto quando: (1) ou o limite de erro for atingido (2) ou o limite de tempo for atingido (3) o usuário teclar ESC.

Durante a medida no objeto, o quadro abaixo será atualizado a cada pacote de dados recebido (a cada 3.2 segundos):

 

Filtros :

C

U

B

V

R

I

---------------------------------------------------------------------------------
Contagens 6054 2990 2030 1502 1185 989
     
Soma (c) 89965 45066 29917 22433 18063 14946
             
Media (c/s) 15115.2 7571.6 5026.3 3768.9 3034.8 2511.1
              
Erro 0.2% 0.2% 0.4% 0.4% 0.4% 0.5%

 

Contagens * número de contagens recebido no último pacote de dados (em cada filtro);
Soma * valor acumulado dessas contagens em cada filtro;
Média * taxa em c/s em cada filtro;
Erro * erro percentual da média. Note que esse erro é calculado a partir dos pacotes de dados recebidos e portanto leva em conta não só estatística de fótons mas também outros efeitos como cintilação ou variações sistemáticas.

Terminada a medida no objeto, deve-se medir o fundo de céu, ou usar a medida anterior, se for o caso:

Ceu anterior * A    ESC * aborta     Mede * ENTER

Anterior (c/s)       0.0       0.0     0.0     0.0      0.0     0.0
Contagens   583 295 193 157 112 101
Media (c/s) 1492.0   744.3 499.8   379.6 298.3 251.2
 
Erro        1.0%       1.1%      2.3%      2.7%      3.1%      1.0%
Obj-Ceu (c/s) 13623.2 6827.3 4526.5 3389.3 2736.5 2259.9
X,U-B,B-V,V ...         1.05     -1.72     -0.28     10.80      -0.42      0.40

    

O número de integrações no céu é calculado de maneira que a relação S/N final seja otimizada. As contagens líquidas em cada filtro são apresentadas e atualizadas a cada integração. Se as coordenadas do objeto foram fornecidas, são apresentados na última linha os valores de massa de ar, magnitude V, e índices de cor U-B, B-V, V-R, R-I.
No final, são disponíveis as seguintes opções:

R * Refaz      C * Comentário      N * Não grava      A * Anterior Outras * grava