Última atualização:
25/06/2013

Home LNA

Fase I - Submissão de Propostas

 

Como preparar uma proposta

As principais ferramentas para preparar uma proposta são:

Recomendações e dicas:

  • A Comissão Nacional de Programas do Observatório Gemini (NTAC/Gemini) definiu  regras para propostas  submetidas no Brasil. Observe-as com cuidado antes de enviar sua proposta. A NTAC não aceitará propostas que não cumpram essas regras. Tópicos e destaques:

    I - Quem pode submeter propostas à NTAC brasileira?

    II - Submissão de propostas conjuntas ("Joint Proposals")

    III - Modos de observações

    IV - Elaboração e Submissão das Propostas

    • A NTAC do Brasil adotou novas regras para o conteúdo das propostas observacionais para se adequar ao novo programa "Phase 1 Tool":
         1. Não mais exige a cópia da resposta da calculadora de tempo de integração (ITC) anexada à proposta. Em vez disso, exige que os cálculos sejam detalhadamente descritos na Justificativa Técnica (desde o semestre 2012B).
         2. Adota o modelo padrão do Gemini para o anexo em PDF contendo a Justificativa Científica, a Justificativa Técnica e outros textos (a partir do semestre 2013A). 
    • A NTAC também recomenda um extremo cuidado na escolha das condições observacionais, de modo que além de representarem as condições necessárias para atingir os objetivos científicos propostos, também permitam uma boa probabilidade de execução.

    • O tempo total para cada alvo depende do caso científico, mas inclui todos os overheads. Nas páginas web de cada instrumento são encontrados os tempos de overhead que devem ser somados ao tempo fornecido pelas ITCs: GMOS - GNIRSNIFS - NIRI - FLAMINGOS-2 - GeMS - GSAOI

    V - Depois das observações

  • Com o PIT atual, uma única proposta pode solicitar tempo para um ou ambos os telescópios Norte e Sul. Consequentemente, uma única proposta, com o mesmo objetivo científico, pode pedir qualquer combinação dos instrumentos disponíveis em cada telescópio.

  • Uma proposta conjunta é uma única proposta apresentada para várias Comissões Nacionais de Programas. Durante o processo da TAC Internacional, a recomendação de tempo de cada NTAC, após avaliação técnica e científica, é considerada e a proposta passa a ser um único programa. Tal como acontece com as demais propostas, cada proposta conjunta deve ter um investigador principal, que é usado como principal contato pelo Gemini. No painel superior esquerdo "Submit" do PIT permite que outras pessoas da lista de autores sejam identificadas como o "National Lead Scientist" de cada parceiro.

    • A ITAC e a NTAC recomendam que as propostas conjuntas demonstrem claramente que todos os parceiros estão envolvidos no projeto e que irão se beneficiar cientificamente com o tempo concedido.
  • Confira primeiro os limites de acessibilidade aos alvos para o semestre atual, especificados na chamada para propostas emitida pelo Gemini (ver links na página web  CfP Archive).

    • Consulte também a página web Science Operations Statistics: RA distributions para verificar se os alvos escolhidos não estão em janelas excessivamente ocupadas.
    • Para propostas MOS é importante que os alvos não estejam visíveis somente no início do semestre para haver tempo suficiente para a obtenção da pré-imagem e confecção da máscara.
    • É aconselhável também consultar as informações da página web GMOS grating - demand and execution para verificar se a rede escolhida é usualmente utilizada.
  • Todas as observações requerem uma estrela de guiagem (wavefront sensor (WFS) star). Como a viabilidade técnica de uma proposta depende em parte da disponibilidade de estrelas WFS, todas as propostas com alvos definidos devem possuir estrelas WFS viáveis.  

    • No PIT atual, a coluna "Guiding" vai mostrar um sinal vermelho/amarelo/verde (ruim/marginal/bom) e o percentual de posições testadas que possuem estrelas de guiagem adequadas no UCAC3, dadas as condições observacionais e a configuração do instrumento selecionadas. 

    • A probabilidade baixa significa que apenas aquela fração de ângulos de posição (PA) possui estrelas de guiagem adequadas. Portanto, a existência de estrelas de guiagem adequadas para o(s) ângulo(s) de posição desejado(s) deve ser necessariamente investigada, utilizando-se o Observing Tool.  Se a probabilidade é baixa, mas uma estrela de guiagem adequada está disponível, então, adicione uma nota breve na Descrição Técnica.
  • No PIT atual, na aba Time Requests, ao responder "Yes" à pergunta "Consider for Band 3:" o usuário afirma que sua proposta pode ser executada nesta banda, caso não seja classificada nas bandas 1 ou 2. Por outro lado, somente se deve responder "No" se as condições observacionais realmente necessárias são muito rígidas, se o programa é "time-critical" ou se necessita o uso do sistema LGS. Desta forma, caso o programa não seja classificado nas bandas 1 ou 2, será excluído da fila. Ver mais orientações na página web  Propostas classificadas em Banda 3 

    •  Ao responder "Yes", a aba Band 3 do PIT permite então especificar como o programa pode ser otimizado para ser executado nesta banda, caso a posição do programa no ranking científico assim o classifique. 
    • Além disso, no anexo em PDF há uma seção "Band 3 Plan" para se descrever as alterações que serão feitas no programa para permitir que ele seja bem sucedido na Banda 3.
  • Os espelhos primário e secundário e os "science fold mirrors" dos telescópios Gemini tem atualmente "coatings" de prata, para melhor desempenho no visível e no infravermelho, além de melhor durabilidade (ver página web  Optics).

  • Propostas para Tempo Ruim ("Poor Weather Proposal Process") podem ser submetidas para todos os instrumentos, a qualquer época do ano, mas as condições observacionais devem combinar certos requisitos. Propostas para "Directors Discretionary Time" também podem ser submetidas a qualquer época do ano.

  • Recomenda-se que os feedbacks de programas de semestres concluídos e cujos dados ainda estão sendo analisados sejam novamente submetidos para que a NTAC tenha informações atuais sobre o andamento do trabalho. Para tal basta preencher novo formulário, respondendo "sim" à pergunta "Trata-se de retificação ou atualização de um relatório anterior?".