Última atualizacão:
04/06/2013

 

Home LNA

 

 

Fase II - Detalhamento das Propostas Aprovadas

 

Observing Tool (OT)


Visão Geral da Fase II

A Fase II do Observatório Gemini é a etapa na qual os autores dos programas aprovados para execução em fila, pelas Comissões Nacionais de Programas (NTACs), fazem o detalhamento das observações. Nas observações em fila, os astrônomos do Gemini executam as observações estritamente de acordo com as instruções dadas pelos autores de cada programa. É fundamental para o sucesso do programa, portanto, que todos os detalhes das observações sejam precisamente definidos.

Na época do anúncio dos programas aprovados, o Gemini disponibiliza aos investigadores principais (PIs) um “esqueleto” de cada programa, obtido com a transferência dos dados extraídos das propostas bem sucedidas na Fase I para o formato “Science Program” do “Observing Tool” (OT). Existem instruções para a instalação do OT e também um tutorial para novos usuários.

Através do OT, o pesquisador acessa a base de dados do Observatório Gemini e carrega o “esqueleto” de seu programa científico (através do comando File...Fetch Program do menu do "Science Program Editor"), utilizando a identificação do programa e a chave numérica correspondente, enviadas pelo Gemini com a mensagem de notificação de proposta aprovada.

Os "esqueletos" têm observações modelo ("templates") para todos os modos instrumentais solicitados na Fase I. A configuração dos instrumentos deve ser verificada e completada (com filtros e fendas, por exemplo) nos "templates". A seguir, esses "templates" devem ser aplicados aos alvos e às condições observacionais aprovadas. Os "templates" podem ser reaplicados quando alterações forem feitas.

Para a completa configuração das observações, recomenda-se que os exemplos e modelos da biblioteca de exemplos do OT sejam utilizados como ponto de partida, mesmo quando já existe um programa anterior semelhante porque alguma alteração nas configurações pode ter sido feita. As bibliotecas contêm exemplos completos e modelos (alvos e condições observacionais removidos) para os cenários de observação mais comuns e são atualizadas através do comando File...Fetch Libraries do menu do "Science Program Editor". É sem dúvida o mais eficiente e seguro procedimento. 

O OT tem alguns recursos muito úteis:

  • seleção automática de estrelas de guiagem para todos os instrumentos operacionais e sensores de frente de onda.
  • configuração automática de "Arc" e "Flat","Night Baseline GCAL" e "Day Baseline GCAL". Para aproveitar o recurso de GCAL automático, recomendamos que se substitua os nós manuais pelos  nós automáticos para garantir que as observações usem as definições atualizadas. Mais informações sobre esses nós de observação podem ser encontradas nas páginas web OT Science Program Elements e OT Details.

Além disso, cada instrumento tem páginas web com guias de estratégias de observação e como descrevê-las no OT. Por exemplo, a página para o GMOS é http://www.gemini.edu/sciops/instruments/gmos/observation-preparation, sendo que, para os demais instrumentos, basta substituir o nome do instrumento neste endereço web.

Siga com atenção as orientações e recomendações da nova nota "COMPLETING PHASE II" presente no arquivo de cada "esqueleto" de programa.

É de responsabilidade dos PIs a correta definição das observações para que os dados possam ser obtidos de acordo com a ciência planejada.

Contudo, questões sobre o OT e definição das observações podem e devem ser colocadas para os cientistas de contato do seu Escritório Nacional do Gemini (NGO) designado para o seu programa. 

Caso o pesquisador precise modificar algum dado entre os definidos durante a Fase I (por exemplo, alvo ou condições observacionais), deve seguir as orientações contidas em Changing Details of Approved Programs.

Após completar o detalhamento das observações no OT, recomenda-se que o pesquisador faça sua própria conferência utilizando a lista de checagem OT/Fase II e as listas de checagem específicas de cada instrumento, que podem ser acessadas através da página das componentes das observações. Concluídas as verificações, o pesquisador deve então alterar o status de cada observação para “For Review”, salvar o programa e reenviar para a base de dados do Gemini (através do comando File...Store Program... do menu do "Science Program Editor").

O prazo para completar o detalhamento de todas as observações é um prazo rígido, que deve ser obrigatoriamente cumprido por todos os PIs, sob risco de ter o programa excluído da fila de observação (esta é uma regra do Gemini).

Quando um programa é colocado “For Review”, o cientista de suporte do NGO do país do PI é notificado para então iniciar o processo de verificação. Quando é um novo instrumento, o staff do Gemini cumpre esta tarefa. Os cientistas de suporte dos NGOs e do Gemini estão listados em NGO and Gemini Support. Enquanto faz a verificação, o status das observações fica "In Review", na qual o pesquisador passa a não ter acesso ao programa. Após a verificação, o cientista de suporte de cada programa informa ao PI qualquer alteração, correção ou inclusão necessária ao correto detalhamento das observações, alterando o status das observações que precisam ser trabalhadas para "Phase II" novamente. 

É também responsabilidade dos PIs fazerem as modificações necessárias - o papel do cientista de suporte do NGO no processo de revisão é de orientar o PI. 

Se não houver mais nenhuma correção a ser feita, o programa é colocado “For Activation” e o cientista de contato do Gemini ("contact scientist" - CS) é notificado para uma verificação final. O CS procede com a verificação, entrando em contato com o PI para qualquer alteração necessária. Se não houver mais nenhuma correção a ser feita, o CS altera o status das observações para “Ready”. Nessa fase, os PIs são informados que seus programas passaram para a base de dados “Active Observing Database”, estando assim disponíveis para serem executados, e que seu ponto de contato passa a ser o CS.

O acompanhamento da execução das observações pode ser feito através da página web Queue and Schedules, por onde se acessa o status de todos os programas em fila e quando os dados foram obtidos. Mais informações sobre a realização das observações podem ser encontradas através do link "Execution Status" (localizado sob cada programa) da página "Queue Summary" do semestre de interesse, que lista o que foi executado de cada programa, ou através dos links "Execution Log" de cada telescópio (localizado na página Queue and Schedules), que listam as observações executadas em cada noite.