Última atualização:

27/02/2013

Home LNA

Observando com o Gemini

Ferramentas

Fase I - Ferramentas para a preparação dos propostas

  1. Documentação

    Todas as informações necessárias sobre as características do telescópio e dos instrumentos periféricos estão disponíveis nas páginas Telescopes and Sites e Instruments do Gemini. Não há outros manuais. Importante: o que não constar na web não estará disponível sob nenhuma outra forma.

  2. PIT (Phase I Tool)

    O Observatório Gemini oferece um programa para preparar e submeter as propostas: o Phase I Tool (PIT). Existem versões para Windows (95 / 98 / NT / 2000 / XP), Solaris (9, 8 ou 7 recomendadas, versão 2.6 pode ser possível com patches mas não testada), Linux (Fedora Core ou Redhat Enterprise, 9.x, 8.x or 7.x recomendadas), Mac OS X (Tiger ou Leopard com Java 1.5). A instalação é fácil. O programa gera a proposta no formato específico solicitado pelo Gemini [XML (eXtensible Markup Language) seguindo um determinado DTD (Document Type Definition)].

    Veja como baixar, instalar e preencher o PIT aqui.

  3. Note:
    Sempre use a versão mais recente do PIT, que contém informações específicas sobre os instrumentos do semestre atual.

  4. ITC (Integration Time Calculator)

    O Observatório Gemini oferece uma ferramenta, a Integration Time Calculator (ITC), para calcular o tempo de integração necessário para executar uma determinada observação, tomando em conta numerosos parâmetros tais como instrumento, modo de observação, condições atmosféricas solicitadas, razão sinal-ruído desejado, etc. 

O Gemini somente oferece ITC para os próprios instrumentos, para os instrumentos de intercâmbio, consulte as páginas dos respectivos observatórios (Subaru e Keck).

Em vista do grande número de variáveis e parâmetros instrumentais (que podem mudar ao longo do tempo ou ainda não são bem conhecidos), a ITC não é um programa distribuído para os astrônomos (como o PIT). Trata-se de um formulário da web que chama um programa no Gemini North Operations Center. Utilizando as informações mais atuais sobre o comportamento do telescópio, da instrumentação, etc., esse programa fornece o tempo de integração em função dos parâmetros definidos pelo astrônomo no formulário.

  1. Gemini HelpDesk

    No caso do astrônomo nâo conseguir achar a resposta a uma questão na documentação do Gemini, ele pode utilizar o HelpDesk para encaminhar sua dúvida a um especialista. 

    O HelpDesk opera da seguinte maneira (descrição simplificada): o usuário define a categoria e subcategoria de sua questão (usando uma lista pré-definida) e descreve seu problema, iniciando, dessa forma, um processo. O especialista é informado por e-mail (automático) que há uma pergunta, então sugere uma solução que é acrescentada ao processo. Caso o especialista não encontre uma solução, o processo vai para um outro especialista num nível mais alto (existem três níveis). Cada vez que alguém trabalha no processo, o usuário é informado por e-mail. O usuário também pode entrar na web para ver o estado atual do processo. Se a resposta é satisfatória, o usuário pode terminar o processo. Caso contrário, pode solicitar um maior aprofundamento do assunto. É importante que o usuário se manifeste quanto á solução ou não da questão para que o processo não fique pendente desnecessariamente.

Fase II - Ferramentas para detalhamento dos programas

  1. Documentação

Todas as informações necessárias para o detalhamento dos programas podem ser encontradas nas páginas web Instruments do Gemini, em especial nas seções Observation Preparation de cada instrumento, onde existem instruções para o preenchimento do OT e listas de checagem para a Fase II.

  1. Observing Tool (OT)

As observações dos programas científicos que receberam tempo são detalhadas através do programa Observing Tool (OT). Veja como baixar, instalar e preencher o OT aqui.

  1. Gemini HelpDesk

Para qualquer tipo de dúvida sobre os instrumentos ou sobre o detalhamento dos programas no OT, utilize o HelpDesk.