home   projetos 2017B distribuição de tempo

Projeto Observacional para 2017B - OI2017B-022

Autor: Leonardo Andrade de Almeida
Instituição: UFRGS


Título: Confirmacao do decrescimo do periodo orbital da binaria massiva SMC 62062

Resumo: As estrelas massivas não vivem sozinhas. Resultados recentes indicam que todas as estrelas de alta massa fazem parte de sistemas binários e aproximadamente 75% tem companheiras próximas o suficiente para interagir durante a sua vida (Sana et al. 2012). Cerca de 25% de todas as estrelas massivas passam por um processo de fusão com sua estrela companheira. A fase de contato anterior a coalescência é ainda mal compreendida, devido principalmente a falta de restrições, ou seja, observações. Apenas quatro binárias do tipo O em overcontacto são conhecidos até hoje (Almeida et al. 2015). Além disso, esses sistemas são laboratórios cruciais para entender a formação e evolução das estrelas de alta massa, a física complexa de fusões estelares e o papel que os produtos da coalescência exercem como progenitores de supernovas e explosões de raios gama. Aqui, temos a intenção de medir o período da binária SMC 62062 que se encontra na configuração de maior overcont!ato (Porb = 0,88 d) conhecido até a data (Hilditch et al 2005). Nós temos indícios que o período desse sistema está decrescendo e uma das explicações para essa diminuição seria que a binária está em rota de fusão. Portanto, pretendemos confirmar esse decréscimo no período orbital do sistema bem como estimar a sua taxa (dPorb/dt). Se confirmado será o primeiro sistema de alta massa encontrado nessa fase, abrindo assim uma série de estudos possíveis envolvendo esse sistema.